domingo, 17 de fevereiro de 2008

Acordado ou dormindo??

Meus pensamentos eu vou amassando como se fosse folha de papel
que eu tanto imaginei escrever nas páginas da vida
naquele momento que te achei
que eu cantei para você
fugir dos seus pesadelos por baixo das fotos eles se escondem
para nao te achar....


Como eu fiz no labirinto das minhas unhas que pintei
de preto para homenagea lá na noite da sua morte
todo mundo vai sair nas ruas
e dizer que eu a amo
mesmo nas noites de chuva
eles vão gritar nas ruas
pra se fazer escutar o som das cornetas para te anunciar
o sol da noite dourada
a lua da tarde prateada
que acabou de me chamar
para tomar café na sua casa....

Espere ai que eu vou mais eu volto
e a estória vai marchar como um general, e seus soldados pintados de palhaços
e vai embora mais um vez sem final feliz....

Mãe venha me buscar nessa casa que não tem teto de vidro para
eu quebrar a minha cara mais uma vez
para te provar!

...que eu posso ser o super homem das minhas terras
...que eu posso criar todos os sonhos do meu mundo

para colher quando o despertador ligar
que todos estamos na mesma viagem
e devemos aproveitar cada visita e presente recebido das coisas boas...

Vou dormir agora, para não acordar dos meus sonhos!!!


Boa noite





Auíri Au

12 comentários:

Nuno´s alter-ego disse...

As vezes dormir é melhor que acordar mesmo... e sim o nosso amor agente inventa..e desinventa tambem

Kari disse...

Eu poderia dizer: que confuso...
Mas falar do que se sente, acaba sempre sendo confuso, inexplicável....

Não sei... mas acho que o nosso amor a gente não inventa não... Acho que ele surge, invade e, quando nos damos conta, estamos completamente dominados por aquele sentimento...

Beijão

Suelen DRC disse...

Adorei querido!
Muito bom mesmo!

Criamos os sonhos, mas é preciso torná-los realidade!
=D

Beijão!

Kari disse...

Ei moçinho,
aquele número são os segundos, não as horas...
Aí aí... se fossem as horas acho que eu morreria aqui....
hehehehehehe

Beijão

Simone Campos Ormelezzi disse...

Hum...o nosso amor não só a gente inventa como, a gente o transforma em sonhos possíveis e loucuras imagináveis.
Lindo toda essa transformação e todas as invenções que o teu amor pode criar...

Até...

Adriana disse...

Olá Auíri Au!

Estou passando aqui para agradecer sua visita e comentário em um de meus blogs! Fico feliz que tenha gostado! Volte sempre, tá? Vc será muito bem-vindo! Ah, também gostei bastante do seu blog, parabéns!

Abraços fraternos...

Cristal disse...

Oi Auíri,
Eu fui conhecer a música do Frejat que tu comentasse e sabe que eu percebi que no fundo ele trabalhou a música da mesma forma que o escritor trabalhou aquele texto.
Com as palavras ele diz que HOMEM NÃO CHORA, mas com os olhos ele diz HOMEM NÃO, CHORA.
É exatamente isso que eu quis dizer lá no meu post, que mudando apenas uma vírgula de lugar, o sentido da frase muda totalmente.
E sobre o teu texto, eu também acho que o amor não se inventa não.
Acho que o que a gente inventa, são as paixões, por isso é que elas vem e vão com a mesma rapidez.
Porque nós inventamos de um jeito e quando percebemos que é de outro, foi...
O amor vai acontecendo aos pouquinhos e quando a gente percebe, as raízes já estão tão profundas, que não conseguimos mais arrancá-las. Mas se essas raízes não forem "tratadas", elas vão morrendo, sem precisarmos fazer força nenhuma.
Abraços e uma ótima semana pra ti...

Frau Dias disse...

are you getting something out of this all encompassing trip?

Baah disse...

uuuhn, adorei o texto .
^^

" o nosso amor a gente inventa , pra se distrair . . . "

beeeejos Aaaa !

te adoro

Leti * disse...

Verdade ... As vezes as coisas se fundem (ou confundem !)
Sonho com realidade, sono com atividade ...

Mas aí é só a gente inventar e deixar tudo fluir ...
O nosso amor a gente inventa!

Beijos, amore! =)

Wolf_Angel disse...

pra se distrair..."

saudadesssss
(comprovando a tese de que sentimos falta das coisas soh quando perdemos...eu preciso de internet!!!hehe)

textos ótimos queridooo
como sempreee!!

embora não tenha comentado estou lendo todos que publica.

sopros de luz parceiro

beijoss

Ana Paula disse...

Realidade fantasiosa...
Adoro essas suas mãos!

Ana Pimentinha...